Ferramentas Pessoais

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Você está aqui: Entrada / Notícias e Eventos / Frederick Gifford falou-nos de Joly Braga Santos

Frederick Gifford falou-nos de Joly Braga Santos

Em conferência realizada na semana passada, à qual faltou por motivo de doença súbita, o Maestro Victorino D’Almeida, o compositor norte-americano, Frederick Gifford, falou num português notável, dos nossos compositores, demonstrando um conhecimento e um trabalho de estudo muito profundo, quer dos aspectos histórico-culturais, como das questões de carácter mais técnico, artístico e estético.

Gifford facultou uma das suas notas “lembrete” que levou para a conferência e que abaixo se transcreve:

 

“Portugal Som" – Joly Braga Santos

Joly Braga Santos

(1924-1988)

Reconhecido internacionalmente como um dos grandes autores sinfónicos dos meados do século XX, era também um hábil compositor de música de câmara. Este CD, parte de uma série de gravações que constituem o catálogo Portugal Som, proporciona uma avaliação alargada dos talentos de Braga Santos, através de três peças de câmara que evidenciam a sua constante evolução enquanto compositor: o Quarteto com Piano, op. 26 (1957), o Trio com Piano, op. 58 (1985), e  o Sexteto  de Cordas op. 59.

Estas obras foram executadas com a convicção e a autoridade de intérpretes portugueses próximos de Joly Braga Santos (entre eles, a sua própria filha), incluindo os músicos que estrearam a op. 59. É um registo essencial para o ouvinte que procura uma compreensão polivalente deste multifacetado compositor em particular, e da música de câmara Portuguesa do século XX, em geral.”

Como é óbvio, nestas breves linhas não é possível transmitir toda a riqueza do teor de toda a conferência, acontecimento em que foi apresentado o catálogo desta importante colecção discográfica e foi lançado a nível nacional este disco de um dos maiores compositores do século XX Português.

 

Foto: Ruben Mália